“Estar sendo. Ter sido”: um livro-testamento?

:-)
close